Fale com nossa equipe agora mesmo: (11) 97486-1707

Clínica de Recuperação

Quando se trata de vício em drogas, a maioria das pessoas quer saber porque isso ocorre, se existe alguma predisposição e qual tratamento para se livrar das drogas. A principal característica do viciado é o uso compulsivo da droga, mesmo sabendo de todas as consequências negativas. Com o tempo, isso começa a impactar sua vida pessoal e profissional, além de prejudicar a saúde física e mental, e dependendo da gravidade, torna-se necessária

Para a maioria das pessoas, largar um vício é uma tarefa desafiadora e até mesmo impossível, principalmente se já dura muitos anos. No entanto, por mais que seja difícil, é possível sim. E isso pode ser comprovado em pacientes em uma clínica de recuperação, pois conseguem se livrar do vício para sempre. Se você está também com esse tipo de dificuldade, vamos mostrar aqui como fazer para acabar com um vício. Como largar

Você sabia que existem drogas depressoras, estimulantes e perturbadoras? E que cada uma produz um efeito diferente? Portanto, as drogas são classificadas em três grupos, e é importante no momento de tratamento para dependência química, saber qual que foi usada e assim, propor o tratamento mais adequado. Lembrando que todas elas atuam no sistema nervoso central, e respectivamente, diminuem, estimulam e modificam a atividade do cérebro. Entenda, a seguir, como cada uma delas

Vários estudos já foram feitos para definir quais drogas que mais matam, especificamente quando há dependência física e psíquica. Segundo a OMS, o consumo do álcool mata mais pessoas que a Aids, a tuberculose e a violência juntas, isso apenas para citar um exemplo. É de extrema importância que todos aqueles submetidos ao tratamento para dependência química tenham ciência desses dados, pois também ajudaria na eficácia do tratamento. Por isso, selecionamos aqui uma

As melhores maneiras de ajudar uma pessoa que é viciada em drogas ou álcool podem parecer contra intuitivas, especialmente para pessoas que lutam com relacionamentos de co-dependência. Alguns desses métodos podem parecer severos, mas eles vêm de uma abordagem amorosa com o objetivo final de ajudar a pessoa a superar seu vício e ajudar a cura de todas as partes. As etapas básicas são descritas abaixo: Lembre-se de que o vício não é

Quais são os efeitos de curto prazo da cocaína? A cocaína causa uma sensação intensa e de curta duração que é imediatamente seguida pelo oposto - depressão intensa, nervosismo e desejo por mais da droga. As pessoas que o usam muitas vezes não comem ou dormem bem. Eles podem experimentar um aumento significativo da frequência cardíaca, espasmos musculares e convulsões. A droga pode fazer as pessoas sentirem paranoico, 1 zangado, hostil e ansiosa,

Levou tempo para provar que o tabagismo causa câncer, doenças cardíacas e morte precoce. Demorou mais anos para estabelecer que o fumo passivo também mata. Os fumantes passivos correm risco de saúde sim e precisam de ajuda para saber como agir nas situações onde fica próximo de um fumante. Por isso, nossa clínica de recuperação instrui familiares a se comportar da maneira certa neste caso. Agora os cientistas estão preocupados com outro fenômeno

As drogas tem destruído muitas famílias em todo mundo. Dia após dia nossa clínica de tratamento para dependência química e alcoolismo Compromisso Com a Vida trata centenas de pessoas que entenderam precisar de ajuda. Para você saber mais, veja tipos de drogas que têm causado o vício e a dependência química em muitas pessoas diariamente. Tipos de drogas Drogas pesadas: são aquelas que causam dependência física e psicossocial, ou seja, que alteram o

Como pessoas, em geral, elas não entendem que as bebidas alcoólicas são prejudiciais à saúde, mas muitas delas não sabem exatamente quais são os riscos do uso nocivo do álcool. O consumo excessivo pode danificar o corpo a curto e longo prazo. Os efeitos imediatos do consumo excessivo de álcool causam conversas distorcidas, comprometimento motor, perda de reflexos e confusão, causando vômitos e até levando ao coma. Já existe a longo

O que é dependência química? Antes de tudo, é importante ressaltar que a dependência química é uma doença crônica, ou seja, não tem cura definitiva. A condição é determinada por uma necessidade extrema e incontrolável do indivíduo de consumir a droga em questão, seja ela lícita ou ilícita. Esta incontrolabilidade acaba afetando a vida do usuário, que perde seu senso de responsabilidade, com repercussões negativas sobre sua vida e a de sua